“Pizza” de Brócolos com Mozarella e Salame (Receita também em video)


Obviamente que isto não é uma pizza. Depois deste ponto muito importante esclarecido, vamos ao que interessa. Quantos de nós deitamos fora os talos dos brócolos ( e da couve flor) ou, quando muito os aproveitamos apenas para a sopa? 
Era basicamente o que acontecia aqui em casa. Os floretes dos brócolos e couve flor para cozinhar, os talos para a sopa, porque aqui nada se desperdiça. Nos últimos tempos, passei também a usar os talos, depois de bem picadinhos, para fazer aquela maravilhosa “invenção” da comida low carb, que é o arroz de couve flor ou de brócolos. Mas tinha de haver mais qualquer coisa... E foi então que num dia de aproveitamentos na cozinha, lá me deu para fazer uma espécie de base de pizza com os talos dos brócolos. Convenhamos que, para quem não gosta muito de brócolos, a ideia não parece muito apelativa, mas bem temperado, com queijo ralado à mistura e uns ovos (na base) o sabor fica bem disfarçado... E com o molho de tomate em cima, mais queijo e umas belas rodelas de salame, bacon ou presunto, os brócolos até se comem com mais entusiasmo!!
Basicamente uma receita para combater o desperdício!



Ingredientes para 1 “pizza”:

300g de talos de brócolos 8ou couve flor, ou uma mistura)
2 ovos
2 bolas de mozarella fresca
sal e pimenta q.b.

Molho de tomate q.b. (usei caseiro)
150g de queijo mozarella ralado
salame ou bacon a gosto

Preparação: 

No robot de cozinha triture os talos dos bróculos até ficarem finamente picados. Junte depois os ovos, o queijo ralado e tempere com sal e pimenta a gosto.
Forre depois uma base de pizzas com papel vegetal e espalhe a mistura uniformemente pela forma. Leve a cozinhar cerca de 20 minutos em forno previamente aquecido a 180ºC até a base estar douradinha.
Retire do forno e espalhe o molho de tomate, o queijo mozarella em fatias e por cima deste disponha as fatias de salame ou bacon.
Leve novamente ao forno, mais 10 minutos, apenas para o queijo derreter.
Sirva como se fosse uma pizza, em fatias.


Bom Apetite!

4 comentários :

  1. Anónimo11:24

    Gosto desta ideia!
    Parece ser mais viável a sua confeção com eles preparados em crú do que "meio" cozidos (e espremidos), conforme as receitas que tenho visto.
    Também, já vi risottos feitos com o caule dos bróculos bem picados, e é possível adaptar a uma receita de pesto feito com folhas de couve (cozidas).
    Adoro ideias que permitam aproveitar ao máximo os legumes que temos em casa, gerando menos desperdício.
    Era bom que as pessoas, consumidores e distribuição/vendedores em geral, começassem a mudar um pouco a mentalidade para a venda de produtos com rama comestível. Um exemplo, é as beterrabas/nabos/rabanetes/cenouras com a rama - tirando os nabos, as pessoas preferem estes legumes, sem a rama, e é assim que normalmente vejo na praça/supermercados.
    No entanto, já começo a ver o "pacote" completo na praça ou mercados/supermercados biológicos (as cenouras é que é mais complicado encontrar, mas de vez em quando aparecem).
    Venham mais sugestões deste género, que são bem vindas!

    Um grande beijinho,
    Sara Oliveira

    ResponderEliminar
  2. Muito interessante, onde tudo se aproveita ;) Bjinhos.

    ResponderEliminar
  3. Passando a fim de conferir uma excelente publicação.
    Imagens deliciosas de fazer crescer água na boca.
    .
    *Mulher; Flores e Borboletas, em sintonia poética (Poetizando) *
    .
    Votos de um dia feliz.

    ResponderEliminar

Imprimir