Sobremesa Gelada com Chocolate, Caramelo Salgado e Bolacha


Há receitas que nos saem bem à primeira e que são um enorme sucesso entre os amigos e familiares. Esta espécie de gelado já tem um enorme clube de fans por estes lados e, apesar de parecer uma receita muito complicada é na verdade bastante simples e, para mim, compensa cada minutinho que se demora a preparar!
Foi a sobremesa que todos adoraram no aniversário do Miguel. E apesar de ser uma "cena de gordas" acho que vale mesmo a pena experimentar e por momentos esquecer as dietas e as calorias. Afinal a vida é demasiado curta para passarmos o tempo todo a evitar coisas de que gostamos!

Não se esqueçam que hoje é o ultimo dia para participarem no passatempo de Páscoa da Fermipan (http://www.touch.pt/pt/produto/47+145/fermipan-(4x11g)/)!
As 3 receitas mais criativas com fermipan recebem um exemplar do livro “Receitas para Todos os dias” e ainda uma embalagem de Fermipan. Enviem as vossas receitaspara aminhadieta@hotmail.com, e na segunda feira, dia 30 de Março os vencedores serão anunciados aqui no blogue.

E quem gostaria de ganhar um cabaz de amêndoas da maravilhosa marca Jubileu (http://jubileuchocolates.pt)? Uma marca premium que privilegia fórmulas únicas utilizando os ingredientes mais requintados, proporcionando sensações de sabor exclusivas, para os consumidores de chocolate mais exigentes?
Para se habilitarem a um dos cabazes que tenho para oferecer juntamente com a Imperial (http://www.imperial.pt) , basta enviarem uma receita alusiva a Páscoa e utilizando chocolate. As receitas vencedoras terão, certamente uma Páscoa mais doce com um destes cabazes.
Aguardo o envio das vossas receita para aminhadieta@hotmail.com até dia 29 de Março

Ingredientes para o Gelado:
400ml de natas frias
1 lata de leite condensado

Ingredientes para o Caramelo Salgado:
200ml de natas
150g de açúcar
2 colheres de sopa de manteiga
flor de sal q.b.

200g de chocolate negro
200g de bolacha Digestiva ou Maria

Preparação:

Comece por preparar o caramelo salgado. Leve um tacho ao lume com o açúcar e, sem mexer, deixe que este se transforme num caramelo sem o deixar queimar. Quando estiver em ponto de caramelo junte cuidadosamente as natas e depois a manteiga e deixe formar um molho grosso. Tempere depois com um poupo de flor de sal a gosto. Reserve, deixando arrefecer completamente antes de usar.
Entretanto derreta o chocolate no microondas ou em banho maria. Espalhe-o depois de derretido numa camada fina sobre uma folha de papel vegetal e deixe endurecer novamente.
Triture a bolacha em migalhas finas e reserve.
Prepare agora o gelado. Bata as natas em chantilly e acrescente-lhes depois cuidadosamente o leite condensado, envolvendo bem.
Com todos os elementos preparados e arrefecidos comece a montar a sobremesa.
Forre um forma tipo bolo inglês com película aderente, e coloque 1/3 do creme do gelado. Cubra depois com a bolacha ralada, e acrescente placas de chocolate (que deverá fazer cortando a placa de chocolate que preparou anteriormente no tamanho aproximado da sua forma). Cubra depois com o caramelo salgado e repita até esgotar todos os ingredientes, devendo acabar com uma camada de gelado.
Cubra com mais película aderente e leve ao congelador de preferência de um dia para outro.
Para servir retire o gelado do congelador uns minutos antes, e desenforme-o retirando a película aderente. Coloque no prato de servir e corte em fatias.

Bom Apetite!





Torta de Laranja e Coco


Calculo que não exista quem não goste de cozinhar e da minha “geração” que não se sinta fascinado pelas receitas das teleculinárias do chefe Silva. Ainda hoje, gosto de as folhear e descobrir receitas ainda tão actuais, apesar das fotos com quase 40 anos. E depois há sempre as receitas clássicas do chefe Silva que, embora possamos fazer outras versões, a versão dele é sempre a melhor que já comemos. E nesse campo lembro-me do salame de chocolate, do bolo Moka e da torta de laranja.
Esta torta de laranja e coco é também uma receita do chefe Silva, e não sei precisar muito bem se veio das páginas da teleculinária de de alguns do programas onde cozinhava (e que eu seguia religiosamente!). A receita existe em casa da minha mãe escrevinhada num papel, pela letra da madrinha da minha irmã, mas com a indicação de que é uma receita do chefe Silva.
Sei que durante anos nunca faltou em nenhuma mesa de festa de aniversário até que, com a chegada de outras receitas e de outros paladares estava quase esquecida.
No aniversário do Miguel esteve de regresso à mesa para receber os elogios que tanto merece e nos fazer lembrar de alguém que, eu pessoalmente, acho que fez muito pela cozinha das “donas de casa” portuguesas - o Chefe Silva (e o seu alto chapéu de cozinheiro!)





Lembram-se do Passatempo do Chef em Família da HotPoint? Pois a vencedora “apadrinhada” aqui pelo blogue As minhas receitas foi a Helena Pereira e os seus Gnocci de Abóbora e Limão. Parabéns à Helena!

O passatempo da Fermipan e da Imperial também continuam por aqui! Já há muitas participações mas continuem a enviar as vossas receitas!


Ingredientes:
(receita do Chefe Silva)

8 ovos
1 1/2 chávena de açúcar (chávena de chá com cerca de 220ml de capacidade)
1 colher de sopa rasa de amido de milho (Maizena)
60g de manteiga derretida
50g de coco ralado
raspa e sumo de uma laranja

Preparação:

Numa taça misture o açúcar com o coco ralado, a maizena e a raspa de laranja e mexa para que não fiquem grumos. À parte bata os ovos, acrescente o sumo da laranja e junte ao preparado anterior misturando bem. Por fim acrescente a manteiga previamente derretida.
Unte um tabuleiro grande com manteiga e forre-o depois com papel vegetal untando-o também e verta aí a mistura da torta. Leve depois a assar em forno previamente aquecido a 180ºC durante 10, 15 minutos. Não deixe a torta cozer demasiado, pois queremos uma consistência final húmida.
Assim que esteja cozida, retire-a do forno e desenforme para um pano de cozinha limpo e polvilhado com açúcar. Com a ajuda do pano enrole a torta cuidadosamente e deixe-a arrefecer completamente dentro do pano antes de a desenformar e colocar no prato de servir.
Decore a gosto.


Bom Apetite!

Penne com Tomate Fresco, Azeitonas e Alho


As refeições sem carne ou peixe continuam a fazer parte do cardápio semanal cá de casa. Se bem que tenho preparado algumas repetições dos nossos favoritos e com aquilo que tem vindo da horta ou d mercado biológico, esta semana a sugestão é mais primaveril e com tomate que, apesar de ainda não ser bem o tempo dele, já começa a apetecer neste início de primavera.
A receita é bastante simples, desta vez usando um molho cru de tomate. Basta cozinhar a massa e já está.
Espero que gostem desta sugestão e que com a chegada anunciada de mais uns dias de sol, já apeteça um destes pratos de massa saboreados na mesa da varanda!
Só um pequeno pormenor engraçado, que não podia deixar em branco. O Zé Maria gosta imenso de queijo. De todos os tipos de queijo, dos mais fortes aos de sabor menos intensos. Nesta receita usei um pouco de parmesão para finalizar a massa. Assim que me viu pousar o queijo, o rapaz deitou-lhe a mão e vai de dar dentadinhas em todo o queijo… Tenho agora o parmesão cheio de dentadas de um “ratinho”!

Não se esqueçam dos passatempo de Páscoa aqui no blogue.



Quem gostaria de ganhar um cabaz de amêndoas da maravilhosa marca Jubileu (http://jubileuchocolates.pt)? Uma marca premium que privilegia fórmulas únicas utilizando os ingredientes mais requintados, proporcionando sensações de sabor exclusivas, para os consumidores de chocolate mais exigentes?
Para se habilitarem a um dos cabazes que tenho para oferecer juntamente com a Imperial (http://www.imperial.pt) , basta enviarem uma receita alusiva a Páscoa e utilizando chocolate. As receitas vencedoras terão, certamente uma Páscoa mais doce com um destes cabazes.
Aguardo o envio das vossas receita para aminhadieta@hotmail.com até dia 29 de Março.


Também há o passatempo com a Fermipan (http://www.touch.pt/pt/produto/47+145/fermipan-(4x11g)/)
Que tal criarem uma receita original com Fermipan, alusiva à Páscoa? As 3 receitas mais criativas recebem um exemplar do livro “Receitas para Todos os dias” e ainda uma embalagem de Fermipan. Têm até à próxima sexta feira, dia 27, para enviarem as vossas receitas, e na segunda feira seguinte, dia 30 de Março os vencedores serão anunciados aqui no blogue.
Enviem quanto antes as vossas receitas para aminhadieta@hotmail.com.


Ingredientes para 2 pessoas:

200g de massa penne
2 tomates cacho
1 dente de alho pequeno
12 azeitonas descaroçadas (usei verdes porque eram as que tinha em casa)
azeite virgem extra q.b.
sal e pimenta q.b.
manjericão fresco q.b.
queijo parmesão ralado na hora q.b.

Preparação:

Coza a massa em água a ferver temperada de sal até que esta fique al dente.
Cuidadosamente retire a pele ao tomate (descascando-os os escaldando-os primeiro) e corte-os depois em cubinhos pequenos. Coloque o tomate numa taça de servir e tempere com um pouco de sal, azeite e pimenta moída na hora. Junte depois o dente de alho (pequeno) previamente ralado ou esmagado e misture bem. Acrescente depois as azeitonas previamente cortadas em rodelas e as folhas de manjericão rasgadas com as mãos.
Assim que a massa estiver cozida, escorra-a e coloque-a na saladeira envolvendo-a com o molho. Regue com um pouco mais de azeite e acrescente parmesão a gosto.
Envolva bem e sirva de imediato.


Bom Apetite!

Bolo de Nutella


Andava para fazer o bolo de nutella, aquele com apenas dois ingredientes, já não sei há quanto tempo - mas seguramente desde que vi o Matt Preston, do Masterchef Australia e prepará-lo numa Masterclass.
Finalmente, pareceu-me que o aniversário do Miguel, com os amantes de chocolate e nutella habituais, seria a altura perfeita para o preparar.
Assim fiz e, apesar de tanto sucesso que o bolo parecia ter nas redes sociais e nos blogues, o bolo não fez assim tanto sucesso aqui por casa. Não que não estivesse bom, que estava. Mas acho que todos esperavam mais do bolo de nutella. Comparativamente a outros bolos de chocolate, este fica aquém! Há bolos de chocolate muito, mas muito melhores. Também são mais trabalhosos, mas provam que muitas vezes compensa ter um bocadinho mais de trabalho e ter um bolo que satisfaça os apetites mais gulosos!
De qualquer maneira deixo a receita, porque é um bolo engraçado de se fazer, e não é mau, ao ponto de não se querer fazer a receita.
Mas a mim, pelo que li sobre ele por aí, parece-me “muita parra para pouca uva”.

Não se esqueçam nos entretantos que, com a Páscoa à porta, continuam os passatempos aqui no blogue. Quem gostaria de ganhar um cabaz de amêndoas da maravilhosa marca Jubileu (http://jubileuchocolates.pt)? Uma marca premium que privilegia fórmulas únicas utilizando os ingredientes mais requintados, proporcionando sensações de sabor exclusivas, para os consumidores de chocolate mais exigentes?
Para se habilitarem a um dos cabazes que tenho para oferecer juntamente com a Imperial (http://www.imperial.pt) , basta enviarem uma receita alusiva a Páscoa e utilizando chocolate. As receitas vencedoras terão, certamente uma Páscoa mais doce com um destes cabazes.
Aguardo o envio das vossas receita para aminhadieta@hotmail.com até dia 29 de Março.


Também há o passatempo com a Fermipan (http://www.touch.pt/pt/produto/47+145/fermipan-(4x11g)/)
Que tal criarem uma receita original com Fermipan, alusiva à Páscoa? As 3 receitas mais criativas recebem um exemplar do livro “Receitas para Todos os dias” e ainda uma embalagem de Fermipan. Têm até à próxima sexta feira, dia 27, para enviarem as vossas receitas, e na segunda feira seguinte, dia 30 de Março os vencedores serão anunciados aqui no blogue.
Enviem quanto antes as vossas receitas para aminhadieta@hotmail.com.

Ingredientes:
(receita Matt Preston - masterclass Masterchef Australia, season 6)

240g de Nutella
4 ovos grandes

Preparação:

Bata os ovos numa batedeira até terem triplicado de volume e estarem fofos, o que demora cerca de 5 a 6 minutos.
Acrescente depois a nutella previamente aquecida no microondas, numa taça de vidro, durante 20 segundos, para que seja mais simples de envolver no preparado dos ovos.
Envolva depois a nutella cuidadosamente, para que os ovos não percam muito volume e coloque a mistura numa forma redonda sem buraco, com cerca de 20cm de diâmetro e previamente forrada e untada com papel vegetal.
Leve depois ao forno - 170ºC - durante cerca de 20 a 25 minutos.
Deixe arrefecer um pouco e desenforme para o parto de servir.
Decore, se gostar com avelãs torradas e açúcar em pó.


Bom Apetite!

Panadinhos de Frango com Coentros e Parmesão


Os dias nunca passaram tão depressa como nos últimos tempos. Sinto que não tenho tempo para nada, que os dias passam sem que os consiga aproveitar da melhor maneira, e que metade do que eu quero fazer ficar, efetivamente, por fazer.
Estamos quase na Páscoa e o ano começou “ontem”!
O nosso fim de semana foi mais uma vez frenético: na sexta feira casa cheia para comemorar os 37 anos do Miguel. No sábado a rotina habitual da piscina do Zé Maria, o mercado biológico e arrumar a casa e as louças do dia anterior. Só o domingo mereceu um pouco mais de calmaria, mas nem tanta como seria de desejar….
No entanto tenho muitas receitas para partilhar esta semana. Algumas das coisas boas e doces do aniversário do Miguel, e outras receitas simpáticas que preparei durante o fim de semana, a começar já com uns panadinhos muito saborosos.



Não se esqueçam nos entretantos que, com a Páscoa à porta, continuam os passatempos aqui no blogue. Quem gostaria de ganhar um cabaz de amêndoas da maravilhosa marca Jubileu (http://jubileuchocolates.pt)? Uma marca premium que privilegia fórmulas únicas utilizando os ingredientes mais requintados, proporcionando sensações de sabor exclusivas, para os consumidores de chocolate mais exigentes?
Para se habilitarem a um dos cabazes que tenho para oferecer juntamente com a Imperial (http://www.imperial.pt, basta enviarem uma receita alusiva a Páscoa e utilizando chocolate. As receitas vencedoras terão, certamente uma Páscoa mais doce com um destes cabazes.
Aguardo o envio das vossas receita para aminhadieta@hotmail.com até dia 29 de Março.



Também há o passatempo com a Fermipan (http://www.touch.pt/pt/produto/47+145/fermipan-(4x11g)/)
Que tal criarem uma receita original com Fermipan, alusiva à Páscoa? As 3 receitas mais criativas recebem um exemplar do livro “Receitas para Todos os dias” e ainda uma embalagem de Fermipan. Têm até à próxima sexta feira, dia 27, para enviarem as vossas receitas, e na segunda feira seguinte, dia 30 de Março os vencedores serão anunciados aqui no blogue.
Enviem quanto antes as vossas receitas para aminhadieta@hotmail.com.

Ingredientes:

2 peitos de frango cortados em bifinhos finos
1 limão
2 dentes de alho
sal e pimenta q.b.
1 ovo
50ml de vinho branco
75g de pão ralado
4 colheres de sopa de coentros frescos picados
4 colheres de sopa de parmesão ralado na hora

Preparação:

Tempere os bifinhos de frango com o sal, a pimenta, o sumo de limão, os dentes de alho picadinhos e o vinho branco. Deixe a marinar um mínimo de 30 minutos.
Entretanto mistura numa taça o pão ralado, os coentros picados e o parmesão. Em outra taça bata o ovo.
Aqueça uma frigideira com um pouco de azeite ou óleo vegetal.
Retire os bifinhos de frango da marinada escorrendo o excesso de líquido. Passe-os depois pelo ovo batido e em último lugar pela mistura de pão ralado.
Frite-os depois em óleo quente, de ambos os lados até ficarem dourados.
Sirva com um arroz de legumes e uma salda verde.


Bom Apetite!

Naked Cake de Lima Limão


Lembro-me do que eu acho que foi a primeira festa de aniversário tua que eu fui. Uma festa como agora poucas se fazem. Devias fazer 17 ou 18 anos. A casa cheia de amigos, teus e do teu irmão, que quase sempre foram comuns. Na sala de trás da garagem da casa uma bola de espelhos e musica: era a parte da dança. Lá fora havia churrasco e quase de certeza que havia pizzas no forno de lenha da casa antiga dos teus pais. Lembro-me que fui com a Rita e com a Paula e que quem nos levou foi o pai da Rita.
Sei que estava muito gente, para além dos amigos os teus primos e tios e era um corrupio de gente escada acima, escada abaixo.
Passaram-se quase 20 anos desde a primeira vez que te cantei os parabéns, e longe de saber que te ia cantar repetidamente os parabéns ao longo dos anos.
Passado um ou dois anos desta festa começamos a namorar e desde os teus 19 anos que te dou os parabéns com a mesma felicidade de sempre. Fazes hoje 37. E como diz a canção do Carlão, “Somos os tais, que viraram pais, firmes e constantes, …”
Parabéns Miguel. Que tenhas um dia muito feliz!



Com a Páscoa à porta, continuam os passatempos aqui no blogue. Quem gostaria de ganhar um cabaz de amêndoas da maravilhosa marca Jubileu? Uma marca premium que privilegia fórmulas únicas utilizando os ingredientes mais requintados, proporcionando sensações de sabor exclusivas, para os consumidores de chocolate mais exigentes?
Para se habilitarem a um dos cabazes que tenho para oferecer juntamente com a Imperial, basta enviarem uma receita alusiva a Páscoa e utilizando chocolate. As receitas vencedoras terão, certamente uma Páscoa mais doce com um destes cabazes.
Aguardo o envio das vossas receita para aminhadieta@hotmail.com até dia 29 de Março.

Ingredientes:
(ligeiramente adaptado de um bolo de citrinos da Clavel´s Cook)

250g farinha com fermento
250g açúcar
250g manteiga à temperatura ambiente
4 ovos
2 colheres de sopa de leite
1 colher de chá de fermento em pó
raspa de 1 limão e 2 limas
curd de limão q.b. para rechear (usei caseio)

Preparação:

Parta a manteiga em bocadinhos e coloque-a numa taça. Com a ajuda da batedeira bata a manteiga até esta estar bem cremosa. Acrescente depois açúcar e bata até incorporar bem. Junte agora a farinha, o fermento, os ovos e a raspa da lima e do limão. Bata tudo mais um pouco até obter uma mistura homogénea.
Divida depois a massa por duas formas com cerca de 20cm de diâmetro previamente untadas e forradas com papel vegetal, e leve ao forno, previamente aquecido a 160ºC durante cerca de 25 minutos ou até os bolos estarem cozidos.
Retire do forno e deixe arrefecer antes de desenformar.
Coloque depois um dos bolos no prato de servir e recheie generosamente com curd de limão. Cubra com outro bolo e coloque um pouco de curd de limão por cima (para ajudar a agarrar as raspas dos citrinos)e decore a gosto com mais raspa de lima e limão.
Decore a gosto com flores frescas ou apenas com frutos vermelhos e açúcar em pó.

Bom Apetite!



Donuts


Pode servir para comemorar o dia do Pai. Ou pode simplesmente ser o pretexto para um lanche doce. Mas quem resiste a um donut acabado de fazer, fofo, doce a apetitoso?
Aqui por casa foram preparados numa tarde feia e de chuva e era preciso algo para animar. E nada melhor do que estar À espera de uma massa a levedar, de amassar, de sentir o cheiro do fermento enquanto lá fora o dia está cinzento, húmido e triste e nos afasta da ideia da primavera, apesar de esta estar mesmo a chegar.
E depois, com um donut ainda morno na mão, e uma chávena de chá na outra mão, o dia parece subitamente mais alegre, ainda que do lado de fora da janela continue frio e chuvoso.
Foi assim a minha tarde de ontem.
Alguém é servido de um donut quentinho?



E como a Páscoa está quase à porta um desafio em jeito de passatempo com o apoio da Fermipan (http://www.touch.pt/pt/produto/47+145/fermipan-(4x11g)/).
Que tal criarem uma receita original com Fermipan, alusiva à Páscoa? As 3 receitas mais criativas recebem um exemplar do livro “Receitas para Todos os dias” e ainda uma embalagem de Fermipan. Têm até à próxima sexta feira, dia 27, para enviarem as vossas receitas, e na segunda feira seguinte, dia 30 de Março os vencedores serão anunciados aqui no blogue.
Enviem quanto antes as vossas receitas para aminhadieta@hotmail.com.

Ingredientes:

2 colheres de chá de Fermipan (levedura seca)
125ml de leite morno (37ºC)
2 colheres de sopa de açúcar
350g de farinha
50g de manteiga derretida
2 ovos

150g de açúcar
50ml de água
açúcar em pó para polvilhar
óleo para fritar


Preparação:
Numa taça larga coloque a levedura Fermipan, o leite morno e uma colher de açúcar. Misture e deixe repousar 10 minutos até que a mistura comece a formar umas bolhinhas à superfície. Nessa altura acrescente a manteiga, a farinha, os ovos e o restante açúcar e misture tudo bem.
Transfira a massa para uma superfície enfarinhada e amasse com as mãos até ficar macio. Se a massa estiver ainda muito peganhenta, acrescente, aos poucos e poucos, um pouco mais de farinha.
Forme uma bola com a massa, tape com um pano limpo e deixe a levedar durante cerca de 45 minutos ou até ter duplicado de volume.
Volte então a amassar mais uma vez e estique depois a massa até ficar com cerca de 1cm de grossura. Corte depois em discos com cerca de 8cm de diâmetro, com a ajuda de um cortado de bolachas ou de um copo, e corte também o centro com um cortado pequeno, de modo a criar a forma característica dos donuts.
Coloque então os discos de massa num tabuleiro forrado de papel vegetal e deixe-os levedar mais 30 minutos.
Aqueça depois o óleo a 180ºC e frite os donuts até ficarem dourados de ambos os lados. (Não frite muitos de cada vez).
Escorra-os em papel absorvente e reserve.
Entretanto leve ao lume um tacho com o açúcar e a água e deixe dissolver e levantar fervura. Deixe depois ferver 2 minutos até ter uma calda grossa e espessa e mergulhe os donuts, um a um, e de ambos os lados na calda e deixe-os a escorrer e secar sobre uma grelha.
Depois de secos coloque-os no prato de servir e polvilhe-os com o açúcar em pó.


Bom Apetite!



Imprimir